quarta-feira, 31 de janeiro de 2024

Atualização Pessoal - Janeiro/24

Bom olá a todos! Estamos aqui de volta, eu no meu velho e querido brógui para mais um poste de atualização, mal o ano começou e janeirão já se foi. Como eu queria que não fosse, mas o tempo não para, como dizia o Outro. Vamos lá para mais uma atualização supimpa.


Finanças: Sem aportes, pois fiquei pagando conta. Até tive que tirar grana dos investimentos em ouro na Parmetal (eu sei que o bom mesmo é ter ele físico, mas é bem embaçado) para pagar a carvalhada de contas que veio, principalmente o IPVA do intankável são paulil. E ainda estou pensando em fazer mais um gasto, que vou falar mais abaixo.

Pessoal: A única coisa ruim das férias é que elas acabam. De resto, só alegria, pude aproveitar com a família no interiorrrr bem afastado da cidade onde resido e pude descansar bem. Coloquei minha cabeça no lugar, me livrei um pouco da apatia que tive ao longo do ano. Estudei bem mais do que o ritmo em que eu estava antes. Pr0n só caí uma vez, e academia quase não frequentei neste mês, mas já estou retomando o ritmo.

Estou pensando em fazer um implante capilar, para melhorar a aparência, eu era relutante quanto a isto. Outra coisa que tenho que cuidar é da minha saúde, vou ver uns checkups e arrumar um dentista.


Trabalho: (Intankável, simplesmente intankável)^enésima potência. Voltei neste finzinho de mês, estou tentando colocar minha mente no lugar, tendo calma, confiança e tendo a cabeça no lugar para reconhecer abusos e dizer não a eles, o que não é simples para este betinha que vos fala.

Fizeram uma reforma na escola que deixou a secretaria bem exposta, vão nos usar de bode expiatório caso porventura aparecer alguém com uma pistola. Nisto sem falar do alto fluxo de pais querendo matrícula para seus chimpinhas, não há sossego nem um momento para respirar.

E é isso, é nóis no fevereiro que chega chegando, com a festa da esbórnia que o bostileiro ama. Paisinho lazarento, raiva deste chimpil macaquil cupretil bananil. Continuamos na luta. Um abraço a todos e não se chvrrasquem! Fiquem com a música do mês, o supra sumo da betagem kkkkkkkk.

18 comentários:

  1. cara, a economia vai afundar tira o dinheiro do pais
    compre dolar e ativos americanos
    abs!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso. Mas não comprem dolar, comprem bitcoin.

      Excluir
    2. Fala Scant e SDF! Boas dicas. É o jeito. Um abraço procês dois!

      Excluir
  2. É Funça, ter nascido na Banânia é um grande infortúnio.

    Abraço.
    https://engenheirotardio.blogspot.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Engenheiro! Duro mesmo, aqui é o legítimo purgatório. Um abraço, meu nobre!

      Excluir
  3. Fala, Funça!

    Testa primeiro o Minoxidil, o único problema é que você terá que usar para sempre, senão o cabelo volta a cair com o tempo.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Letra! Já usei mas minha calvície é avançada, só com implante mesmo pra tampar a clareira. Um abraço, amigo!

      Excluir
  4. Vou compartilhar minha triste história com vocês, anons da finansfera:
    Nasci e cresci numa cidadezinha rural do interior, bem atrasadinha, Internet ruim, etc.
    Sempre gostei de esportes, e isso junto com a vida rural me fez ficar bem forte e atlético. Por causa disso, todas as meninas da cidade me admiravam, mas eu nem ligava, só queria saber de esporte. Como a cidade era pequena, não havia muito o que fazer. Outra diversão era caçar, e eu gostava muito também de sair com o pessoal para caçar. Secretamente, eu era apaixonado por um dos meus companheiros de caça, e acho que ele também gostava de mim, mas como a cidade era pequena, não podíamos fazer nada, pois todos ficariam sabendo. Enfim, eu era bom em tudo: no futebol, na corrida de cavalo, tiro ao alvo, ganhava todas. Até na caça eu era melhor que os coroas experientes que moravam por lá também. Isso fazia de mim uma referência local, até o prefeito vinha conversar comigo!
    Porém havia na cidade uma moça bonita, meio nerdola , mas muito metida à besta. Eu sempre tentava me aproximar, pois ela era uma das poucas pessoas da cidade boas de conversa, mas ela sempre me rejeitava, talvez achando que eu estivesse avançando em cima dela, sei lá. Isso no início me incomoda, mas aí eu percebi que ela me daria a desculpa perfeita para não pegar as outras mulheres da cidade. Passei a dar em cima dela, e óbvio que ela sempre me rejeitava, mas com isso todo mundo achava que entendia porque eu não pegava as outras que me davam mole. A desculpa perfeita!
    Mas aí que veio o desastre: um belo dia ela desapareceu, e depois de muita procura, a polícia descobriu que ela estava na casa do namorado, um playboy local conhecido por ser mulherengo e abusador. E acontece que ele não deixava ela sair da casa! Quando a polícia foi lá, a nerdola meteu uma história de que eles se amavam, que ninguém entendia o amor deles e tal (síndrome de Estocolmo que chama?), e por causa disso os policiais não podiam fazer nada, pois não havia queixa. E o pai da moça desesperado, chorando que a filha tinha sido sequestrada!. A galera da cidade então começou a cobrar que EU tomasse uma atitude, afinal eu vivia cantando a moça, e era o bonzão do tiro, do futebol, etc. Não teve jeito, juntei a rapaziada do clube de tiro e caça, inclusive o meu amigo "amor platônico", e fomos na casa do playboy tirar satisfação. O cara era um marginal, e forte para caramba! As coisas ficaram feias muito rápido, e a nerdola gritando o tempo todo! Foi a maior porradaria e só sei que eu acabei metendo uma faca no playboy, e ele me empurrou pela janela, e eu caí do último andar da mansão do marginal, e meu amigo, o amor da minha vida, me viu caindo para a minha morte!



    Não há igual a Gaston, mais herói que Gaston!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. hauhauauhauhauahuahuhauahua tomou papudo? Ah, e é isso mesmo, síndrome de Estocolmo. Um abraço, Anon, rachei o bico com a história kkkkk

      Excluir
  5. Foque nos estudos para passar em algum outro concurso e dê vaza dessa escola maldita.

    ResponderExcluir
  6. Grande Funça Beta, continue estudando e saia desta escola!
    Também não gosto do carnaval, só do feriado mesmo! Fico isolado no meu bunker, com minha família, esperando a confusão passar!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Mago! Verdade, o bom é ficar descansando em casa, protegido (o máximo possível) da chimpice do povão. Quanto aos estudos, estou no caminho, preciso sair deste câncer. Um abraço, amigo!

      Excluir
  7. Ver esses comentários sobre o carnaval me deu a maior saudade do Pobreta... O que será que ele teria escrito sobre o carnaval desse ano? O que ele teria escrito sobre as e-girls, web puctas, 0nly f@ns, betas que assinam essas groselhas e etc? Às vezes eu torço para ele voltar a escrever, mas ao mesmo tempo acho que ele não vai voltar porque hoje em dia a censura está sinistra...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Anon! Foi bom enquanto durou a época do Pobreta, agora não tem mais jeito. Um abraço, amigo!

      Excluir
  8. Funça,

    Esse papo de implanta capilar é interessante, por favor traga atualizações a respeito.

    Eu já estou com duas entradas de desmatamento, e parece que a Mata Atlântica está caminhando para um Cerrado.
    Tenho um amigo que fez implante no meio do ano passado, encontrei com ele cerca de um mês e meio depois do procedimento, não tinha cicatrizes bizarras, mas estava com a cabeça meio zoada kkkk'.
    Não vejo ele pessoalmente desde então, porém alguns dias atrás postou uma foto no Instagram (não era de perto) e comentei com ele que o resultado parecia ser bom, ele disse que o cabelo já cresceu, mas que está com algumas regiões meio ralas e que o pessoal disse que leva 1 ano o resultado.

    Abraços,
    Pi

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala PI! É paia a clareira começar a se abrir pro aeroporto de mosquitos kkkkk mas vou atualizar sim. Um abraço, meu nobre!

      Excluir
  9. Petistas fedem. Psolistas fedem. PCdoBistas fedem. Maconheiros fedem.

    ResponderExcluir