segunda-feira, 1 de julho de 2024

Atualização Pessoal - Junho/24

Bom olá a todos! Metade do ano se foi. Assim como a esperança de que tudo vai melhorar. Se não melhorarmos nós mesmos, aí é que fica difícil. A luta é árdua e pesada. Vou ser sucinto aqui, não tive muitas novidades.

Finanças: Sem aportes, mas a última parcela do cartão de crédito pesada foi aliviada.

Pessoal: Tentando sobreviver. Nos estudos, tentando retomar aos poucos. O desânimo continua, pelo menos julho chega para dar uma descontraída de tudo. Estou pensando em dar um tempo no canal do iutoba, não tenho mais ânimo de fazer vídeos e lives.

Último vídeo que fiz, de computaria....

Trabalho: 

E é isso, vamos para julho. Desculpe pelo desânimo, mas não consigo escrever com a inspiração que eu tinha antes. Acabou por aqui, vamos por uma música de ritmo legal. Um abraço a todos e eh nóis!

7 comentários:

  1. Você não deve estar bem mesmo. Você tinha iniciado aquele "figarofá das ideia", que fim levou? Desistiu do tratamento?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Anon! Eu não fui mais para lá, eu sei que o problema maior é o ambiente horrível daquela escola. Situação bem difícil essa a minha. Um abraço, amigo!

      Excluir
  2. Você não vai acreditar. Mas você cabia aqui. Eu segurava você e dizia para sua mãe: “Esse menino vai ser o melhor menino do mundo. Esse menino vai ser melhor do que qualquer um que conhecemos.”. E você cresceu bom, maravilhoso. Foi muito legal ver você crescer, foi um privilégio. Aí chegou a hora de você ser adulto e conquistar o mundo. E conquistou. Mas em algum ponto desse percurso, você mudou. Você deixou de ser você. Agora deixa as pessoas botarem o dedo na sua cara e dizer que você não é bom. e quando fica difícil você procura alguma coisa para culpar, como uma sombra. Eu vou te dizer uma coisa que você já sabe: O mundo não é um grande arco-íris. É um lugar sujo, é um lugar cruel. Que não quer saber o quanto você é durão. Vai botar você de joelhos e você vai ficar de joelhos para sempre se você deixar. Você, eu, ninguém vai bater tão duro como a vida. Mas não se trata de bater duro. Se trata de quanto você aguenta apanhar e seguir em frente. O quanto você é capaz de aguentar e continuar tentando. É assim que se consegue vencer. Agora se você sabe o seu valor, então vá atrás do que você merece. Mas tem que ter disposição para apanhar. E nada de apontar dedos, dizer que você não consegue por causa dele, dela ou de quem seja. Só covardes fazem isso e você não é covarde. Você é melhor do que isso!”

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Scant! Grande Roque, parça do Silvio Santos. Um abraço e obrigado pela motivação.

      Excluir
  3. vai churrascar o blog???....... abrçs paul........ estamos sempre aki por vc.....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Anon! Vou postando por aqui enquanto posso. Um abraço e valeu pela força!

      Excluir
  4. Funça,

    Nada é para sempre, tudo passa.

    Algumas coisas só demoram mais para passar, é um dia de cada vez.

    Abraços,
    Pi

    ResponderExcluir