sábado, 12 de maio de 2018

Lembranças

Olá gente da hora! Estou aqui sem inspiração (kkkkk), mas vou tentar escrever alguma coisa. E vou falar sobre lembranças, tanto as marcadas na mente quanto os objetos que você tem guardado que te puxam algo da memória.

Estava vasculhando algumas coisas aqui no meu quarto e achei muita coisa guardada, desbotada e manchada pelo tempo, e resolvi fuçar um pouco mais e o resultado foi aquele baque de como o tempo passou e de lembrar do que você fez e que não fez na vida, ou seja, você toma aquela agepill fudida.



Quanta coisa achei, pra começar achei dois álbuns daquele chocolate Surpresa, um do fundo do mar e outro do espaço, o que me fez lembrar da barrinha de chocolate. Achei também gibis, alguns poucos sem a capa mas bem conservados, a maioria é da turma da Mônica, e os outros são da Disney (Pato Donald, Zé Carioca e outros) e da Marvel (Wolverine, Capitão América e Homem Aranha), o que hoje em dia eu a xingo (kkkkk é só zoeira, eu simplesmente deixei de ligar). Também achei várias revistas daquela Heróis do Futuro, que falava mais de anime e falava muito de Cavaleiros do Zodíaco.

Encontrei também o canudo do diploma de minha faculdade que eu por ser um beta néscio fiz o favor de torná-la um lixo que no fim das contas ficou inútil na minha vida, e que por sinal vai fazer 10 anos que me formei. Eu sei que hoje em dia faculdade não serve de nada, mas agora eu sei que poderia ter feito melhor e ter me dedicado com mais afinco, o problema é que não tenho uma máquina do tempo. Sou formado em TI e fiz em uma faculdade pública que nem tinha esperança de passar porque estudei só em escola pública com cara de Febem (fundação Casa para os mais novos) cheia de chimpas que querem destruir nós JBPF de bem para se autoafirmar para as putinhas gamers que não eram gamers na época.

Mas também achei coisas pessoais, como o diplominha de que fiz o pré lá em 92, o papel meio manchado mas firme ainda. Achei 2 fitas de vídeo que ia digitalizar mas que por não ter placa de captura eu acabei enrolando. Um deles é o casamento da minha prima, mais ou menos na mesma época das ruas cheias de fusca, gol quadrado, uno e passat, que por sinal hoje em dia se separaram.

Achei também um dos ingressos do SWU que ganhei por acaso em uma balada que acabei indo com os caras do trampo (eu agi como um beta raiz lá, só pra constar), eu até ofereci para uma guria nota 4 que gostava dessas coisas onde eu trabalhava, ela disse que sim mas na hora h deu pra trás. Acabei indo sozinho, fui e voltei exausto, cheio de gente esses lugares.


E acabei achando também uma carta de uma colega de escola que escreveu pra mim. Eu sofria bullying (prefiro chamar de brincadeiras, bullying é muito millenial), eu estava no 1º ou 2º colegial, não lembro bem, e eu chorava com algo mais pesado. E ela escreveu pedindo que eu fosse amigável, que tenho que aceitar a vida, que cresci e que eu tenho que deixar de levar a sério essas brincadeiras. Ela escreveu, assinou com o nome dela, de mais uma piranhona da turma da zoeira e da classe. Apaguei o nome da vadia e da classe e deixei o dela porque era linda, tão linda que tive pouco contato na classe. Mas aí o tempo faz seu trabalho, e hoje em dia ela está gorda. Sinceramente não sei porque guardei isso.

E é isso. É foda você remoer o passado mesmo sabendo que você não pode mais, ele é uma âncora para o seu futuro que deve ser removido, mas ele fez ser o que somos. Fiquei lembrando de coisas que não fiz por falta de coragem e que agora estou tentando ir atrás com os fardos e os danos que carrego. Você tem alguma lembrança? Comente abaixo. Eu não sei se escrevi bem, se tem erros, mas tentei fazer isso aqui de uma forma que eu me deixei levar. Um abraço e até mais!

6 comentários:

  1. É estranho relembrar do passado, esses dias peguei na mão as carteirinhas de escola, da 4 série até o terceiro colegial, um filme passou pela minha cabeça

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É foda, muita coisa passa por nossa cabeça. Os dias passam lentos, mas os anos passam voando. Um abraço, Stifler!

      Excluir
  2. Quando eu era criança tinha um álbum desse do chocolate Surpresa de dinossauros! As imagens eram muito legais e se não me engano no verso existiam informações sobre o dinossauro. Uma pena não existirem mais, pois eu colecionaria.
    Abraço!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Lembro desse também, Tirano, mas não tenho. É um momento bom de se guardar. Um abraço!

      Excluir
  3. Nao tenho lembranças físicas da minha infância, somente algumas poucas fotos.
    Era pobre, mas sempre tinha um bife de carne de primeira e um copo de refrigerante a mesa.
    Queria ter guardado duas coleções completas de figuras de futebol que possuia...
    Tiago Carvalho

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fala Tiago! A gente faz essas coisas por acaso, pelo menos nisto podemos selecionar para guardar o que é bom. Um abraço!

      Excluir